quarta-feira, 27 de maio de 2009

Pequeno tormento


Quisera ele desapropriar-se de um pequeno tormento,

um pequeno desejo.

Quisera ele desvincular de um pequeno amor,

uma temerosa ânsia.

Quisera ele se perder em palavras! Com esperança de se afogar em textos "defecantes".


Quisera ele abrir uma porta e ver que o sol continuaria intenso em sua alma.

Quisera ele emergir de um pesadelo,

de seu incontestável tormento,

de sua emoção,

de seu medo,

de seus desejos.

Quisera ele descobrir que não basta refugiar-se,

mas sim despertar-se.

Se tudo fosse dito antes...

...!

(Se ao menos se...)

Se despertaria de um tormento,

se refugiria no amor.


Escrito por David de Oliveira Castro

2 comentários:

  1. Nossa David vc esta realeme inspirado nesse texto cara que isso!!!! que loucura cara!!!! parabens!!!!

    ResponderExcluir